Número total de visualizações de página

quarta-feira, 24 de julho de 2013

O QUE É EVANGELIZAR?


http://operfumecdedeus.blogspot.com


O QUE “EVANGELIZAR”?

 
A obra da evangelização é dever de todo o Povo de
Deus, pois toda a Igreja é missionária.

1.Evangelização e missão

a)Evangelização é o anúncio de uma mensagem
    gozosa, geradora de alegria, boa notícia, anunciar
    factos salvíficos.
     Isto quer dizer que o crente tem de ser alegre, ter
     alegria de acreditar, alegria de testemunhar o
     evangelho, a sua fé.

     No N.T. Evangelho é a Boa Notícia de Deus ou de Jesus
     Cristo, Salvador do mundo.

     Evangelizar é anunciar e levar a cabo o evangelho de
      salvação de Jesus Cristo que nos trouxe o Reino
     de Deus, reino de justiça, de verdade, de amor e
     de paz.


     b) Missão

    Vem do latim “mittere”, enviar e conteúdo do
    envio (mensagem).
    Relação entre o que envia e o que é enviado.

     Jesus é o Apóstolo, o enviado por excelência de Deus.
     É enviado por Alguém (Deus) a alguém (humanidade).
      É um mediador ativo. Deus é o único capaz de enviar.

     O Pai envia. O Filho é enviado pelo Pai, tal como o
     Espírito Santo também foi enviado pelo Pai e pelo
     Filho.

NOVA EVANGELIZAÇÃO


A EVANGELIZAÇÃO, anúncio do evangelho,
faz-se mediante palavras e obras.

Jesus de Nazaré anuncia a vinda do Reino
 de Deus com palavras  e o faz presente com
 as suas ações.

Jesus diz e faz.
Ensinou e cumpriu o que ensinou.
Assim, a evangelização tem de ser feitas
nestas duas dimensões: palavras e
obras (ações).

Não é apenas pregar uma boa notícia.
Mas essa boa notícia tem de ser dita e feita.
A verdade deve realizar-se e o amor deve
ser concreto, não apenas teórico.

Tem de haver uma coerência entre a fé
e a vida.
 
Sem factos que demonstrem a verdade,
a evangelização converte-se em
ideologia (ideias).

A boa notícia deve fazer-se realidade.
Esta boa notícia que a evangelização anuncia
faz mudar felizmente o sentido da vida,
baseado na chegada do reino de Deus,
 antecipado em Cristo ressuscitado.

Hoje, para evangelizarmos, temos de nos
comprometer na Igreja e na sociedade
e dar testemunho.

Jesus foi mestre de sabedoria (teoria) e de vida
(prática, obras).
Mestre em palavras e em obras, ensinou e fez
o que ensinou. Assim deve ser hoje a Igreja.

quarta-feira, 17 de julho de 2013

ANO DA FÉ- REFLEXÃO


http://operfumededeus.blogspot.com


Porque é que nem todos acreditam em Deus?

     Custa acreditar porque Deus não é evidente, Deus não
    impõe a Sua presença, Deus esconde-se, Deus é
    Invisível, espiritual e a pessoa humana não capta Deus
     pelos sentidos: ver, ouvir, tocar, cheirar…

    Custa acreditar, pois a fé não é constituída por
    simples emoções ou sentimentos

    A fé é uma adesão íntima e pessoal a Deus e a Jesus Cristo.
    A fé exige renúncias e sacrifícios.

    Muitos não querem fazer esses sacrifícios ou renúncias,
     por isso, preferem não acreditar ou dizer que não acreditam
     e antes querem seguir o mais fácil.

     Com fé vejo milagres…
       Sem fé vejo o absurdo, o sem sentido.

       Vida sem fé, é uma vida sem sabor, como a comida sem
        sal; como o café amargo sem açúcar.

    Podemos ter muita comida, mas se não tiver sal,
     não tem sabor, não presta.
    Podemos ter muitos bens materiais, mas sem Deus,
    tudo isso não presta, não tem sabor.
     Sem Deus, a vida é amarga, azeda, fria, noite escura.
       Com Deus, tudo tem um horizonte de futuro, de
       esperança, de verdade, de salvação.
        Com Deus, tudo tem sentido: a alegria e a tristeza;
       a saúde e a doença; a vida e a morte.

NOVA EVANGELIZAÇÃO



http://operfumededeus.blogspot.com

A IGREJA CATÓLICA É MISSIONÁRIA POR ESSÊNCIA

 A Igreja deve estar sempre em estado de missão.
A missão não é vocação de alguns poucos, mas de todo o
povo cristão, de todos os batizados.

1-A teologia da missão é trinitária, cristológica,
pneumatológica e eclesial.

Deus envia; Cristo é enviado e envia os Apóstolos a anunciar
 o evangelho; o Espírito Santo atualiza a boa notícia em todas
as épocas e a Igreja torna viva e presente a mensagem
do evangelho trazida por Jesus Cristo.

2-A Igreja é missionária por essência para levar à conversão
 pessoal e criar comunidades.

3-Temos necessidade na Igreja Católica dessa atividade
 missionária.

4-A obra missionária é fruto do testemunho, diálogo
e compromisso.

Evangelização deve levar ao catecumenado e à formação
de comunidades.

     O catecumenado destina-se aos adultos que, ainda não
     tendo recebido qualquer sacramento, procuram Deus.
    Mediante uma caminhada catequética, vão ser espiritualmente
    a ajudados para fazerem a iniciação cristã. Integram-se
    aqui também as crianças que já estão na catequese mas
     que ainda não foram batizadas.
    Todas devem fazer a caminhada própria para os catecúmenos.

A missão consiste em realizar o mandato de Jesus, implantar
a Igreja e anunciar a Boa Nova, o Evangelho.

A missão abarca a conversão ao Deus de Jesus Cristo e à
criação de uma nova comunidade cristã.

Evangelizar é anunciar o evangelho ou revelar o mistério
de Cristo ao mundo.

A missão evangelizadora implica a promoção humana,
 humanização e libertação e também a conversão das pessoas
 e edificação da Igreja.

segunda-feira, 8 de julho de 2013

ANO DA FÉ- REFLEXÃO PESSOAL


http://operfumededeus.blogspot.com


A FÉ é uma virtude que nos liga a Deus.

Ter fé= acreditar, aceitar sem ver, confiar, aceitar, esperar, amar, entregar-se, comprometer-se.

Deus revela-se, dá-se a conhecer e nós temos a liberdade para dizer “sim, creio”, ou então “não, não creio, não acredito”.

FÉ é aceitar certas verdades e certas realidades sem ver, sem poder comprovar…

A FÉ nasce pelo ouvido… Eu escuto e aceito, acredito…

A fé cristã não é apenas acreditar em certas verdades; não é apenas aceitar certas ideias com a inteligência, mas é sobretudo:

ENCONTRO COM UMA PESSOA- JESUS CRISTO, encontro com um acontecimento: a encarnação do Filho de Deus.

A fé é aceitar com o coração aquilo que me contam ou que eu leio na Bíblia.

Jesus que nasceu, viveu, morreu e ressuscitou.

Este encontro com Jesus Cristo dá à nossa vida um rumo, uma direção, um sentido novo.

A fé é este encontro com Jesus Cristo ressuscitado que transforma a vida do crente.

Fé- Implica ADESÃO da inteligência, vontade, coração, liberdade a Deus que se revela, se dá a conhecer.
Fé implica INSERÇÃO numa comunidade, a Igreja local.
Não basta aderir, aceitar, acreditar; tem de celebrar a fé em grupo e fazer parte da comunidade como cristão adulto, responsável, ativo, comprometido.
 

terça-feira, 2 de julho de 2013

ATREVE-TE A SER CRISTÃO

http://operfumededeus.blogspot.com

É GRANDE SER-SE CRISTÃO

Grande coisa é ser cristão.
O cristão deve ser energia, força, encanto.
Ter um projeto, um ideal de vida elevado, uma esperança ativa, uma promessa a realizar em plenitude.
Como cristãos, devemos fazer da nossa vida
algo de grande, belo, bom, nobre.
Comprometer-se com a verdade. Colocar a
vida ao serviço dos outros, do evangelho,
da Igreja.
O cristão deve ser ele próprio.
Não ser fotocópia de ninguém.
Não ser manipulado, enganado por ninguém.
Não andar atrás do que os outros pensam e  
dizem, nem andar atrás de modas que passam
rapidamente.
Sentir dentro de si mesmo os mesmos
sentimentos que havia em Jesus Cristo e
 transferi-los para o grupo de amigos e do ambiente que o rodeia.
O cristão autêntico fez uma opção pessoal por
 Jesus Cristo, pois descobriu que Jesus Cristo é
a realização suprema da pessoa humana.
É grande o cristão que ama sem esperar
recompensa dos humanos.
Dar a sua vida sem medida, repartir a sua vida,
a graça, um pouco de Deus.