Número total de visualizações de página

segunda-feira, 30 de setembro de 2013

CONSTRUIR O HOMEM NA SUA TOTALIDADE


 
 
Uma árvore tem raízes, tronco, ramos.
Se uma parte se deteriora, a árvore enfraquece e pode até morrer. O mesmo se passa com a pessoa.
A pessoa só existe enquanto ser em relação, ser que se relaciona, ser social e sociável:

1- Relação com o interior de si mesmo (corpo, coração, cérebro) numa unidade de uma só pessoa= dimensão interior;

2- Relação com a natureza, com o espaço envolvente- natureza criada por Deus e a natureza transformada pelo homem: trabalho manual, científico, técnico, artístico...

3- Relação com todas as outras pessoas, desde os mais próximos até aos mais distantes, com os de ontem, de hoje e de amanhã que constituem o CORPO DA HUMANIDADE = dimensões horizontais (2 e 3);

4-  Relação com a Fonte da Vida que anima a pessoa, a humanidade e o universo = Deus- Dimensão vertical.
 

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

FORMAÇÃO BÍBLICA




EM FORNELOS- FAFE
FORMAÇÃO BÍBLICA A PARTIR DE 3 DE
OUTUBRO.

FORMAÇÃO ABERTA A TODOS
TEMPO PARA EVANGELIZAR.

APROVEITA. APARECE. 
VAI SER LINDO.


MUITA FORMAÇÃO, ALEGRIA, MÚSICA, DANÇA, FESTA, AMIZADE...
CONVÍVIO
FORMAÇÃO ÀS QUINTAS FEIRAS: PRIMEIRA E TERCEIRA SEMANA DE CADA MÊS. TODOS OS MESES.
------
DIVULGA ESTE ACONTECIMENTO.

SÊ APÓSTOLO(A) DO EVANGELHO.

COMUNICA AOS TEUS AMIGOS, DE FAFE, MESMO QUE TU NÃO POSSAS APARECER SEMPRE.
APARECE, PELO MENOS DE VEZ EM QUANDO...
VAMOS CONHECER A HISTÓRIA DA SALVAÇÃO E
FAZER A EXPERIÊNCIA DO AMOR DE DEUS POR CADA UM DE NÓS...
 

quarta-feira, 18 de setembro de 2013

SER UM CATÓLICO COMPLETO




http://operfumededeus.blogspot.com

O católico completo é aquele que:

1- Acredita - Conhecimento intelectual- Conhecer as pessoas divinas e conhecer as verdades da fé.
A evangelização, o ensino da catequese e da pregação pretende levar ao conhecimento da doutrina para suscitar a fé, buscar razões de crer e aderir - sim creio.

2- Celebra os mistérios cristãos- Vida sacramental que nos aplica no presente a salvação realizada por Cristo no seu mistério Pascal (Confissão e Eucaristia).
Integração na comunidade eclesial.
Não pode ter Deus por Pai, quem não tem a Igreja como Mãe.

3- Vive nas atitudes e opções da vida a fidelidade à fé professada e celebrada. Agir de acordo com a dignidade de filhos de Deus Pai na caridade (amor) do E. Santo.
Testemunho apostólico e missionário.
Deixar-se transformar pela graça de Deus e transformar os ambientes em que se insere.

4- Reza - Vida de oração.
Jesus é modelo perfeito de oração, o cristão é chamado ao diálogo com Deus na oração- Pai-Nosso.
A oração é o alimenta da vida cristã dos fieis em todas as idades.
O católico a sério deve ter todos os dias, pelo menos 15 minutos de oração diária.
 

sexta-feira, 13 de setembro de 2013

SER CRISTÃO CADA VEZ MAIS E MELHOR


Renunciar à falsidade. Falsidade é

- Não ser leal, nem sincero,

- Ter duas caras,

- Usar máscaras,

- Ter segundas intenções,

- Não reconhecer os seus erros

- Enganar o próximo.

 

Renunciar à injustiça. Injustiça é

- Não dar aos outros o que lhe é devido,

- Querer para si o que pertence ao próximo

- Dominar e oprimir os mais fracos,

- Não valorizar a pessoa e os trabalhos dos outros

- Não dar a todos a mesma ocasião de se promoverem,

- Interpretar mal o que os outros fazem

- Difamar e caluniar o próximo.

sábado, 7 de setembro de 2013

“QUEM É DEUS”?


      Segundo a Bíblia, o Deus revelado e dado a conhecer por
      Jesus Cristo?

         O Deus anunciado pelos seguidores de Cristo: os Apóstolos,
         os Mártires, os Santos, os Papas, os Bispos, os
       Sacerdotes, os Leigos...

        1.Deus é um ser pessoal.

        2.Deus é uma comunidade de vida das três Pessoas Divinas
      que se amam: o Pai, o Filho e o Espírito Santo.
      Deus é uma Família onde circula entre todos a vida e o amor.

         3.Deus é o SER Eterno, sem princípio nem fim.

        Cada pessoa divina é Inteligente, Livre, Autónoma,
       Santa, Relacionando-se umas com as outras numa doação
       total e envolvimento total de umas nas outras.

        Cada pessoa divina está toda na outra, mas são distintas e
        sem se confundirem umas com as outras.

      Trata-se de um Mistério. Não conseguimos
     compreender plenamente com a inteligência,
       mas temos de aceitar na fé.
 
       3.2. Deus revela-se= mostra-se, dá-se a conhecer

      - Na criação, Deus revela-se como Criador.

     - Na Bíblia, Deus revela-se ainda como Salvador, libertador.

     Revelação natural - Mistério de Deus escondido e revelado
      na obra da Natureza.
     Pelas coisas visíveis chegamos à existência do Invisível
     (Autor de tudo o que existe).

     Tudo o que existe tem um autor. Assim também o Universo
     criado, tem de ter um Criador= Deus Origem de tudo

      - Revelação bíblica= História da Salvação:

       Antigo Testamento= Deus revela-se a Abraão, Isaac, Jacob,
       Moisés, Juízes, Reis, Profetas.

       Novo Testamento = Deus revela-se por e em Jesus Cristo,
       nos Apóstolos, e na Igreja.
       Antiga Aliança e Nova Aliança.

       Claro que esta revelação é sempre uma proposta e nunca
      imposta.
      Trata-se de uma revelação indireta: como uma pegada
      é uma revelação indireta de alguém.
       Deus não obriga ninguém a acreditar. Acredita quem tem fé…

NOVA EVANGELIZAÇÃO


http://operfumededeus.blogspot.com

Sem evangelização não há Igreja

A evangelização está ao serviço do Reino de Deus e identifica a Igreja.
A Igreja nasce do evangelho e está ao serviço dele.
A Igreja existe para implantar o evangelho, para tornar presente no mundo o Reino de Deus.

Há uma ligação íntima entre Cristo, a Igreja e a evangelização.

Não se pode evangelizar sem a Igreja e a evangelização pretende levar as pessoas convertidas a fazer parte da Igreja. Mas por vezes, a própria Igreja é um obstáculo à evangelização pela sua burocracia, conservadorismo e divisões internas.

Se a Igreja não é fiel a si mesma, nem se evangeliza, nem é capaz de evangelizar.

A Igreja precisa de se converter à tarefa de evangelização.  
Quem vive bem a sua pertença à comunidade, à Igreja, melhor evangeliza.

Acredita-se numa pessoa ou num grupo coerente, que diz e faz.
A Igreja será tanto mais credível quanto mais vive de forma evangélica. Vivendo de forma evangélica, melhor a Igreja pode evangelizar.
A evangelização exige que a Igreja viva de acordo com o evangelho (fé, confiança em Deus Pai e fraternidade entre todas as pessoas).

Não basta a santidade da doutrina e dos sacramentos para a Igreja evangelizar. Exige-se que as pessoas vivam de forma evangélica, sendo imitadoras de Jesus Cristo.