Número total de visualizações de página

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

PENSE EM SI MESMO



1. Pensar em si mesmo. Conhecer-se a si mesmo:
Quem sou eu?
Quem é o Homem?
Conheço os meus defeitos?
        Conheço as minhas qualidades?
      O que quero da minha vida?
       Para mim o que é importante na vida?
      A que é que dou mais tempo e importância?
     Estou a crescer e a amadurecer com as opções que se
     apresentam?
     Que tipo de pessoas sou eu?
.
Há 3 tipos de pessoas:
.
- A pessoa egoísta.
      - A pessoa ética.
      - A pessoa religiosa.
.
 Será que "eu" sou uma pessoa egoísta que só pensa em
 si ou também estou aberto a participar na vida social,
 política, paroquial que inclui os outros e a comunidade?
A pessoa egoísta só pensa em si, no seu
conforto, nas suas necessidades.
Só se preocupa com os seus benefícios e interesses.
A pessoa ética é aquela que cumpre os seus
deveres, mas não faz mais do que isso.
   Cumpre o seu horário de trabalho, mas não
faz mais do que isso.
Se um motorista é motorista e nada mais faz para
ajudar um colega...
       Um(a) professor(a) étic0(a) cumpre o seu dever
de ensinar e nada mais faz do que isso para ajudar os alunos…
Nem sempre basta ser apenas uma pessoa ética...
Se um profissional só cumpre os seus deveres e
nada mais faz só porque passa um minuto da hora...
.

A Pessoa religiosa é aberta a Deus, aos valores religiosos,
 aos valores morais; aberta a ajudar os outros para
 além do seu dever, praticando a solidariedade,
o voluntariado, a caridade.
A pessoa religiosa cristã tem a sua vida centrada em Cristo.
É Ele que nos ama e nos liberta do egoísmo e das escravidões.
Cristo esqueceu-se de si por amor de nós para nos salvar.
Não se salvou a si mesmo, para nos salvar a nós.
      O egoísta procura só salvar-se a si mesmo.
     E quem só se preocupa em salvar-se a si mesmo,
      não salva os outros, não ajuda os outros.
       Aprenda de Jesus Cristo... Viva para os outros...

domingo, 29 de janeiro de 2012

PERGUNTAS ACERCA DE DEUS- 28

28. Porque é que Jesus aparece representado de maneiras diferentes nos livros?

Naquele tempo, não havia quem tirasse fotografias ou fizesse filmes, e por isso não sabemos como era Jesus.
Os imperadores mandavam esculpir estátuas ou pintar quadros que os retratassem, mas Jesus era um simples homem do povo.
E não é melhor assim? Se tivéssemos uma descrição exata do seu rosto, poderíamos pensar que nunca mais iríamos encontra-l’O.
Mas, não conhecendo os seus traços, podemos vê-l’O em todas as pessoas com quem nos cruzamos no nosso caminho.
Jesus disse: «Tive fome e deste-Me de comer». E àqueles que ficaram espantados por assim O terem encontrado sem dar por isso, explicou: «Sempre que fizeste isso a um destes meus irmãos mais pequeninos, a Mim mesmo o fizestes».
Há quem chame a este encontro de Jesus no próximo «sacramento do irmão».
E é verdade que podemos acolher Jesus não só no sacramento da Eucaristia, mas também em cada um daqueles que procuramos amar, como nos pobres que nos esforcemos por socorrer.
.
29. Jesus teve uma mulher?
Não. Se Jesus tivesse casado, teria de dar preferência à sua mulher e aos seus filhos e dedicar-lhes muito tempo.
Ora, Jesus foi enviado pelo seu Pai para nos mostrar o amor que Deus tem por nós, sem nenhuma preferência.
Ou, melhor dizendo, com uma preferência por cada um de nós.
O essencial da vida é amar.
Muitas vezes, pensamos que o amor só acontece quando o nosso coração bate mais depressa.
Mas esse não é o único amor que existe. É claro que Jesus acha que o amor entre um homem e uma mulher é de uma grande beleza, e até esteve presente nas bodas de Caná.
Mas também nos convidou a amar os nossos inimigos, a amar aqueles que têm fome, aqueles que têm sede, os que estão na prisão….
Para ter a liberdade de poder amar dessa forma, Jesus não Se casou.
Ainda hoje, há homens e mulheres que fazem a mesma escolha que Ele fez, como a Madre Teresa de Calcutá ou o Padre Américo, que são bastante conhecidos.
Mas há muitos outros, como os padres, os religiosos e religiosas, e tantos leigos solteiros disponíveis e dedicados.
Também eles querem ser, como Jesus, sinal do amor de Deus, que «prefere toda a gente» porque é o Pai de todos nós.

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

PERGUNTAS ACERCA DE DEUS- 26


26. Como foi a infância de Jesus?
Para dizer a verdade, não se sabe muita coisa sobre ela.
Jesus não escreveu as suas memórias!
O Evangelho de São Lucas limita-se a dizer que «Jesus crescia em sabedoria, em estatura e em graça, diante de Deus e dos homens» (Lucas 2, 52).
A «vida pública» de Jesus durou no máximo três anos, o que não é muito tempo.
E, contudo, em tão pouco tempo, tudo foi dito e tudo foi feito.
O que se passou nos trinta anos de «vida pública» de Jesus? Ele viveu uma vida semelhante à das outras pessoas no seu país. Recebeu a educação judaica dos seus pais e aprendeu o ofício de carpinteiro com São José.
Devia ser uma criança como as outras e, mais tarde, terá sido um bom trabalhador (carpinteiro).
Há contudo um relato no Evangelho de São Lucas que nos pode dar a chave de leitura desses anos da «vida escondida» de Jesus (Lucas 2, 41-51).
Aos doze anos de idade, Jesus foi, pela primeira vez, em peregrinação a Jerusalém com os seus pais.
No regresso, os pais perderam-n’O de vista e voltaram à cidade, onde encontraram Jesus a conversar com os especialistas da religião.
«Não sabíeis que devia estar em casa de meu Pai?», respondeu Ele aos seus reparos.
Jesus viveu portanto uma vida normal, mas colocando sempre Deus em primeiro lugar.

sábado, 21 de janeiro de 2012

ORAÇÕES



Meu Senhor e Meu Deus
       Nesta hora eu me entrego a Ti.
       Nada temo porque a Tua luz está comigo na noite da vida.
       Senhor, meu Deus, nada temo neste momento porque
a Tua paz está comigo.
Senhor, meu Deus, nada temo no deserto da vida porque
a Tua fonte está comigo
       A Tua vida está comigo, Senhor, mesmos que a
        desgraça me visite.
       Senhor meu Deus, nada temo.
.
Senhor Jesus,
        Só Tu nos podes arrancar das nossas limitações
        E nos abrir novos horizontes de salvação total.
        Senhor, Jesus, és a minha luz quando a noite é longa
         e nunca mais tem fim.
        És o meu caminho quando me perco nas
        encruzilhadas da vida.
      És o meu sol quando os meus dias decorrem
          cinzentos e nublados.
Senhor Jesus, és a minha fonte quando me sinto a
  caminhar num deserto árido.
        Bendito seja, Senhor.
.
Senhor Jesus,
        A quem iremos nós? Só Tu tens palavras de vida eterna.
        Queremos permanecer unidos a Ti e Tu a nós, como ramos
         unidos à videira para darmos muito fruto de bondade
         e santidade.

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

VIVER UM DIA DE CADA VEZ


Há dois dias em todas as semanas com os quais não nos deveríamos preocupar.
Dois dias que deveriam estar livres do medo e da apreensão.
Um desses dias é o ONTEM, com os seus erros e ansiedades, com suas falhas, dores e sofrimentos.
O ontem passou para sempre, está para além do nosso controle.
Nem todo o dinheiro do mundo pode trazer de volta o ontem.
Não podemos desfazer um único ato que fizemos.
Não podemos apagar uma única palavra que dissemos.
O ontem, já partiu…
Outro dia é o AMANHÃ.
O sol do amanhã irá levantar-se ou em esplendor ou por detrás de uma máscara de nuvens, mas levantar-se-á.
Até que ele chegue, não temos nenhuma garantia do amanhã, pois ainda não nasceu. Isso deixa apenas um dia, o hoje.
Não é a experiência do hoje que enlouquece alguém.
É o arrependimento ou a amargura por algo que aconteceu ontem e o receio do que o amanhã pode trazer.
Portanto, vivamos não mais que um dia de cada vez.
Somente por hoje serei feliz,
Somente por hoje serei agradável,
Somente por hoje falarei baixo, agirei com sensatez,
Não criticarei ninguém,
Não acharei erros em nada,
Nem tentarei melhorar alguém antes de me melhorar.
Ontem é história, o amanhã é um mistério.
Mas o HOJE é uma dádiva, UM DOM. Por isso é chamado… presente!  
Que vivamos o hoje plenamente e que tenhamos um dia cheio de alegrias…  
Deus te abençoe e que você descanse o seu coração no Senhor.
Faça a sua parte, mas espera Nele.
O Senhor sabe o que faz!
Que nossa Senhora a mãe da Divina Providência passe a frente de todas as situações nas nossas vidas!
Amém!

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

PERGUNTAS ACERCA DE DEUS- 24

24. Jesus nasceu mesmo no dia 25 de Dezembro?

       Não! Nem São Mateus, nem São Lucas, os dois evangelistas que nos contam o nascimento de Jesus, falam do dia 25 de Dezembro.
Durante três séculos, os cristãos contentaram-se em festejar unicamente a ressurreição de Jesus, que foi o seu verdadeiro nascimento, porque foi por ela que Ele venceu a morte e nasceu para a vida nova. Era a festa da Páscoa.
Celebravam então essa grande passagem (Páscoa) reunindo-se no primeiro dia da semana (o domingo) e, de uma forma mais solene, também uma vez por ano, no primeiro domingo depois da lua cheia da primavera.
Ao longo do século IV, o cristianismo foi-se tornando a religião oficial.
E foi nessa altura que se começou a festejar o Natal.
Como não se sabia a data do nascimento de Jesus, escolheu-se o dia simbólico de 25 de Dezembro.
Após o começo do Inverno, os Romanos festejavam o «sol invencível», a luz renascida.
Com efeito, nessa altura, os dias voltavam a ficar mais compridos.
Ora, para os cristãos, Jesus é que é a «luz do mundo» e por isso se escolheu essa data para festejar o Natal.
E em 353, no Ocidente, o dia 25 de Dezembro tornou-se a data «oficial» do nascimento de Jesus Cristo.

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

DESEMPREGADOS NA IGREJA

albanosousanogueira@sapo.pt
http://operfumededeus.blogspot.com
____________________________

Dizem que há muito desemprego na sociedade e isso é realmente muito preocupante. 
Em Portugal são para aí 13% de pessoas maiores desempregadas.
Mas já repararam que na Igreja há muito mais desemprego?
Entre nós, no Minho de Portugal, a prática religiosa em alguns casos dos católicos é de 20%. Isso significa que há cerca de 80% de desempregados. 
Mas nas grandes cidades, a prática religiosa é pouco mais de 5%, ou seja temos quase 95% ou mais de católicos que nada fazem pela sua fé, pela religião, tal como um desempregado.
Não acham isto preocupante?
É tempo de evangelizar. 
Tempo de anunciar o evangelho e dar "emprego" a tantos homens e mulheres que se dizem católicos não praticantes, católicos desempregados e que quase nada fazem pela sua fé e pelo seu amor a Deus.
O "desemprego" dos católicos a nível de religião é deveres muito preocupante...
E pouco se está a fazer para contrariar esta situação, isto é, evangelizar. 
A Igreja pouco mais faz do que dar sacramentos a pessoas, muitas das quais já nada sabe o que isso significa.
É preciso anunciar a Boa Nova da Salvação trazida por Jesus Cristo, dar formação às pessoas, rezar com elas para elas terem um encontro pessoal com Jesus Cristo.
Tu, meu irmão e minha irmã que me lês, queres fazer alguma coisa pela evangelização?
Começa por leres mais o evangelho, por orares mais e por falares de Jesus Cristo às outras pessoas.

sábado, 7 de janeiro de 2012

PERGUNTAS ACERCA DE DEUS- 22


22. Que significa «criado à imagem e semelhança de Deus»?

Deus é Amor, diz-nos São João.
Ser criado à imagem e semelhança de Deus significa, portanto, ser capaz de amar como Ele.
E, na verdade, Deus deu-nos pessoas para amar.
«Deus criou o homem à sua imagem, criou-o à imagem de Deus; Ele os criou homem e mulher» (Génesis 1,27).
Portanto, Ele não nos fez solitários.
O amor conduz à felicidade e o próprio Deus fica feliz por amar. Na criação do ser humano enquanto homem e mulher, Deus quer partilhar a sua felicidade connosco.
Um dia, Jesus disse: «Assim como Eu vos amei, vós também vos deveis amar uns aos outros» (João 13, 34 e 15, 12).
Sempre que nos amamos na justiça e na verdade assemelhamo-nos a Deus.
Esta expressão da Bíblia quer dizer também que o Deus criador encarregou o homem e a mulher de continuarem a criação, de serem criadores com Ele e responsáveis pela nossa Terra.
Ele apaga-Se para nos dar todo o lugar.
É esse o significado simbólico do sétimo dia, em que Deus descansa.
    A pequena frase «Deus criou o homem à sua imagem e semelhança» é portanto, fonte de uma grande alegria (nascemos para amar), mas também de uma grande responsabilidade (toda a Terra nos foi confiada).

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

ORAÇÃO PESSOAL A JESUS

.
 
           Jesus, hoje não tens ouvidos,
    Tens apenas os nossos ouvidos para escutar quem
     necessita de falar.
     Senhor, eis os meus ouvidos para escutar a
          Tua Palavra e a dos meus irmãos.
      Cristo não tem coração. Tem apenas o nosso coração
             Para continuar a ser o rosto humano de Deus.
              Senhor, eis o meu coração para ser um
             evangelho vivo, fácil leitura. Eis-me aqui, Senhor.
      
            Senhor, Jesus Cristo, 
             Como a mulher Samaritana junto ao poço de Jacob,  eu Te peço:
            - Dá-me de beber
              E Tu me darás a água viva de que necessito para ser saciado.
      Tu me fazes renascer de novo, como disseste a Nicodemos.
      Ajuda-me, Senhor, a renascer para uma vida nova, segundo
      o Evangelho. Eis-me aqui, Senhor.
  ________________
       Senhor, Jesus,
     Como o cego de Jericó, eu corro ao Teu encontro pata te gritar:
   - Senhor, fazei que eu veja! Abre os meus olhos internos, íntimos, para ver o meu próximo com os olhos de Deus.
      Senhor, abre os olhos do meu coração para ver o essencial,
     o invisível que não se vê com os olhos carnais, mas com o coração. Senhor, fazei que eu veja.
  _____________________
             Senhor Jesus Cristo,
      Como o paralítico à beira do caminho na Palestina, eu peço confiante: - Senhor, que eu ande.
             - Senhor, dá-me forças para caminhar pelos caminhos da paz e do bem.
             - Senhor, muitas vezes, sou cego à Tua graça, cego à Tua ternura e misericórdia, cego ao Teu amor.
            Senhor, fazei que eu ande.