Número total de visualizações de página

terça-feira, 14 de agosto de 2012

VER DEUS PELAS COSTAS NUM MUNDO AO AVESSO


albanonogueira2012@sapo.pt
http://operfumededeus.blogspot.com



EXPERIÊNCIA DE DEUS

Um cego pode falar de luz? Talvez, pela sua ausência.

Deus pode ser visto também naqueles lugares onde menos a gente imagina que Ele possa estar. São as situações de absurdos pessoais, sociais, clamando por uma razão.

Deus é santidade, mas pode ser numa hora de pecado e treva que a Sua existência se vai fazer sentir.

Deus é certeza que tudo sustenta, mas pode ser numa hora de dúvida que se vai perceber a necessidade de se apoiar n’Ele.

Deus é claridade, mas pode ser que a Sua luz chegue quando o nosso psiquismo mais seja afetado por traumas e neuroses.

Deus é amor e justiça, mas pode ser que a Sua presença seja reclamada num mundo desintegrado pela injustiça, pela fome, pela discriminação, pela violência.

Deus é vida, mas pode ser que a proximidade dos seus passos se faça perceber no meio da agonia e da morte.

Num mundo ao avesso, o homem torna-se rebelde e luta para pôr a casa em ordem.

A descoberta de Deus nasce, nestes casos, não de melodias das preces e do perfume dos incensos nas cerimónias das catedrais, mas nasce dos escombros de um mundo em ruínas e a fé na sua presença se transforma para o homem num grande impulso de reconstrução.

Sem comentários: