Número total de visualizações de página

sexta-feira, 23 de julho de 2010

DAR AS MÃOS

--
albanosousanogueira@sapo.pt
--

Estive de férias no estrangeiro- Espanha.
Não tinha acesso aos jornais portugueses.
Terça-feira comecei a receber muitos telefonemas e sms a dizerem-me que o que tinha escrito no meu blog estava a ser citado nos jornais.
Como não sabia a forma como o jornalista estava a usar os meus textos, decidi usar a internet do hotel para tirar os meus textos do blogue.
Além disso, umas frases tiradas do contexto podem ser mal interpretadas...
Foi essa a razão pela qual tirei os textos do meu blogue.
Diz a sabedoria: há tempo para falar e tempo para calar.
Eu disse o que achei que devia dizer,
mas agora chegou o tempo de me calar.
Não convém deitar mais lenha na fogueira.
A decisão está tomada, o Sr. Arcebispo Primaz de Braga não volta atrás.
É tempo de interiorzarmos todos a nomeação dos novos párocos de Fafe, colaborar com eles e todos aceitarem os novos párocos, tal como o Padre José Lopes já disse.
Depois da tempestade, tem de vir a bonança...
Todos temos a ganhar com a paz na Igreja Católica de Fafe e ajudar a dar um novo dinamismo à cidade de Fafe em comunhão e união com os novos párocos de Fafe.
É tempo de darmos as mãos aos novos párocos de Fafe...
Já discordámos, já protestámos, já dissemos ao Sr. Arcebispo a nossa revolta, agora é preciso acalmar as águas.
Precisamos de Paz na Igreja Católica de Fafe e todos temos de dar as mãos para o conseguirmos.
Deus escreve direito por linhas tortas.
O que foi um mal (a remoção do Pe. Lopes) pode ser usada por todos para o bem: dar mais dinamismo à cidade de Fafe a nível religioso...
Obrigado a todos pelo apoio que deram ao Pe. Lopes e a mim também que fui solidário com ele e fiz tudo o que dependia de mim (antes da nomeação) para dar outro rumo a esta situação, mas nada consegui...
Seria bom que as pessoas parassem com todas as manifestações contra a decisão de remover o padre Lopes de Fafe.
A partir de agora, se as manifestações de protesto continuarem, quem vai ficar prejudicado ainda mais, vai ser o Padre Lopes.
Quanto mais tempo arder a fogueira da revolta, mais as pessoas (todas) se queimam...
Espero que entendam esta minha mensagem...
Vamos todos aceitar educadamente a nova situação.
Deus seja louvado.
Que Ele nos abençoe a todos e nos ajude a viver no seu amor e no amor ao próximo.
Pe. Albano Nogueira

Sem comentários: