Número total de visualizações de página

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

QUEM NOS DÁ A FELICIDADE

De onde vem a felicidade?
Quem nos dá felicidade?
As coisas materiais?
As pessoas?
A cultura?
Deus?
.
Todas as pessoas desejam ser felizes.
Todos nós trazemos este anseio no mais profundo do nosso coração.
Fomos criados por um Deus feliz, um Deus de amor, de alegria e de paz!
O desejo de Deus está inscrito no coração do homem, já que o homem é criado por Deus e para Deus; e Deus não cessa de atrair o homem a si, e somente em Deus o homem há-de encontrar a verdade e a felicidade que não cessa de procurar.
O mais doloroso é ver que nessa busca frenética, desordenada e por vezes irresponsável pela felicidade, acabamos invertendo o valor das diferentes realidades da nossa vida.
Umas vezes, damos valor demais às coisas, outras vezes, damos valor demais às coisas; outras vezes damos demasiado valor à cultura, ao intelecto e esquecemos algo de muito essencial: a fé e a confiança em Deus.
Deus é felicidade, Deus é Amor!
Mas perdeu importância na vida de muitas pessoas que ficaram vazias por dentro e tentam encher o seu coração com aquilo que não satisfaz a sua ânsia mais profunda de felicidade.
Amor e felicidade podem ser tanta coisa: poder, bom emprego, família sexo, dinheiro, bens materiais...
E Deus onde fica?
Para muitos Deus não conta, para outros, Deus é mais um item dessa vasta lista.

Infelizmente, no final encontraremos as cisternas rachadas que não retêm água…
Alimento que não sacia, água contaminada e estragada que não mata a sede humana de felicidade.
Homens, mulheres, jovens, crianças, casais que não têm expressão, tristes, apáticos, infelizes, sempre a resmungar, não realizados porque procuram a felicidade da forma errada e acabam encontrando uma felicidade ilusória, vã e passageira.

A verdadeira felicidade não consiste simplesmente na satisfação das nossas necessidades pessoais.
Quando buscamos a Deus encontramos o amor, a felicidade, a paz, no entanto, nem sempre buscando a felicidade encontramos Deus. Não podemos separá-Lo da nossa felicidade.
Ele é o único capaz de fazer-nos plenamente feliz e encher o nosso coração.

Sem comentários: